Menu

Jardim

Seiridium Canker In Juniper Trees

Membro da grande fam√≠lia cypress, o zimbro (juniperus spp.) √© uma √°rvore con√≠fera e perene. Os zimbros s√£o geralmente plantas de f√°cil manuten√ß√£o que se desenvolvem em pleno sol para sombra parcial. Enquanto eles podem precisar de rega durante o ver√£o em jardins interiores, os zimbros nos jardins costeiros geralmente se d√£o bem sob condi√ß√Ķes normais de chuva‚Ķ

Seiridium Canker In Juniper Trees


Neste Artigo:

Os zimbros saud√°veis ‚Äč‚Äčs√£o verdes de ponta a haste sem manchas marrons.

Os zimbros saud√°veis ‚Äč‚Äčs√£o verdes de ponta a haste sem manchas marrons.

Membro da grande fam√≠lia Cypress, o zimbro (Juniperus spp.) √Č uma √°rvore con√≠fera e perene. Os zimbros s√£o geralmente plantas de f√°cil manuten√ß√£o que se desenvolvem em pleno sol para sombra parcial. Enquanto eles podem precisar de rega durante o ver√£o em jardins interiores, os zimbros nos jardins costeiros geralmente se d√£o bem sob condi√ß√Ķes normais de chuva. Como muitos de seus parentes, o zimbro pode sofrer de cancro de Seiridium, uma doen√ßa grave que foi identificada pela primeira vez na Calif√≥rnia e, desde ent√£o, se espalhou pela Am√©rica do Norte e no exterior.

Sintomas

Tamb√©m conhecido como cancro da cipreste, Seiridium cardinale geralmente infecta o zimbro muito antes de os sintomas se tornarem percept√≠veis - √†s vezes anos antes. Quando a doen√ßa se torna evidente, os ramos menores do zimbro exibem uma folhagem amarelada ou marrom. Esses ramos morrem quando a doen√ßa progride para ramos maiores, matando-os tamb√©m. Eventualmente, a √°rvore inteira pode morrer. O cancro, que √© encontrado em um ramo diretamente abaixo da folhagem afetada, √© uma √°rea avermelhada, ovalada e afundada com pequenos corpos frut√≠feros dentro de suas margens. Chamado pycnidia, os corpos frut√≠feros parecem pequenas bolhas pretas ou espinhas. Eles se abriram em clima √ļmido, liberando esporos infecciosos. Sap escoa das margens do cancro, √†s vezes copiosamente. Voc√™ pode encontrar formigas invadindo a √°rvore para chegar √† seiva. √Ä medida que os cancros crescem, interferem no sistema vascular da √°rvore.

Avenidas de Infecção

Seiridium canker pode entrar em zimbro através de feridas feitas por ferramentas de jardinagem ou por insetos ou animais selvagens que se alimentam da planta. As feridas também podem ser causadas pelo granizo que atinge e danifica a árvore. A folhagem amarelada ou moribunda causada pela infecção pode estar concentrada em uma área ou espalhada em diferentes áreas da árvore, dependendo de onde as feridas estão localizadas. O canker de Seiridium alveja as árvores que são stressadas da seca ou que sofrem do outro stress ambiental.

Tratamento

Nenhum controle químico está disponível para tratar o cancro de Seiridium. Podar folhagem infectada. Corte ramos vários centímetros acima e abaixo do cancro para se certificar de que toda a área infectada é removida. Elimine o material infectado do jardim para evitar que os esporos se espalhem. Uma vez que os sintomas do cancro de Seiridium apareçam, pode ser tarde demais para salvar a árvore. Considere ter uma árvore severamente infectada removida e substituída por uma espécie menos suscetível.

Prevenção

Embora nenhum fungicida esteja dispon√≠vel para tratar ou prevenir o c√Ęncer de Seiridium, o site da Oregon State University sobre doen√ßas de plantas recomenda tratamento preventivo no in√≠cio da primavera com fungicidas contendo macozeb. Isso pode fornecer alguma prote√ß√£o contra a infec√ß√£o ou, pelo menos, impedir que novos esporos invadam a √°rvore. Siga as instru√ß√Ķes do r√≥tulo. A melhor defesa √© manter o zimbro o mais saud√°vel poss√≠vel e evitar ferir acidentalmente a √°rvore com cortadores de grama, cortadores e outros equipamentos. Certifique-se de que as ferramentas de poda estejam afiadas e desinfete as l√Ęminas entre os cortes e entre as √°rvores, para evitar a transfer√™ncia acidental de esporos do cancro de Seiridium para √°rvores saud√°veis. Certifique-se de que o zimbro esteja devidamente regado para evitar o estresse da seca. O clima √ļmido faz com que os cancros liberem esporos e ajuda a espalhar a infec√ß√£o pelos galhos das √°rvores, mas na verdade √© o clima quente e seco do ver√£o e o estresse pela seca que promove a infec√ß√£o em primeiro lugar.


Guia De Vídeo: Seiridium Canker - Common Plant Diseases in the Landscape and Garden.

O Artigo Foi √ötil? Diga A Seus Amigos!

Leia Mais:

Adicionar Um Coment√°rio